Siga-nos nas redes sociais

Portugal

Batazu Family : Portugueses uniram-se para ajudar menino com leucemia

Publicado há

no dia

batazu

Família Batazu, (família guerreira) assim a batizou o pequeno Francisco, o irmão de Tomás, que aos 11 anos luta contra a leucemia. Os pais da criança recorreram às redes sociais para apelar à doação de 350 mil euros par um tratamento inovador em Israel e um transplante de medula óssea.

Em apenas quatros dias os portugueses sensibilizados com a causa uniram-se e conseguiram ajudar esta família a cumprir o seu objetivo.

Podemos conhecer a história desta família na sua página de Instagram, Batazu Family. Tomás com mais de dez anos já foi submetido a dois tratamentos de quimioterapia, que não tiveram sucesso. De momento o Sheba Hospital, em Israel é o único que se encontra a realizar tratamentos com células Car-T em crianças.

Segundo o avançado à CNN Portugal pela Associação Portuguesa Contra a Leucemia, o tratamento com células Car-T consiste numa forma de imunoterapia, ou seja, é utilizado o próprio sistema imunitário do doente para combater o cancro.

O tratamento é produzido a través dos linfócitos T (células T) que integram os glóbulos brancos do sangue. As células T têm como propósito identificar e eliminar bactérias, vírus e células tumorais.

De acordo com a informação divulgada pela família, o Tomás tem “uma leucemia mieloide aguda muito agressiva e o único tratamento que pode oferecer a cura é um transplante de medula”. Toda a família realizou testes de compatibilidade e a irmã mais nova, Mariana, é “100% compatível”.

O transplante, marcado para o dia em que foi realizado o apelo, foi “cancelado indefinidamente porque, depois de estar em remissão, a leucemia voltou”. “O IPO tem sido incansável mas, infelizmente, não dispõe do tratamento que o Tomás precisa, a alternativa proposta é a paliação…. estando ele tão forte!”, explicou a família.

Apesar de já ter entrado em remissão várias vezes” não consegue ser transplantado antes da doença voltar, volta sempre à estaca zero”. 

É necessário que a doença entre novamente em remissão para que seja possível realizar o transplante e os novos tratamos com células Car-T podem ser a solução, uma terapêutica que usa o sistema imunitário do Tomás para combater a leucemia sem a toxicidade da quimioterapia”.

Recorde-se que, em apenas quatro dias a família Batuzu conquistou o seu objetivo, os 350 mil euros necessários para pagar o tratamento e o transplante em Israel.

“Temos tudo o que precisamos para conseguirmos fazer o tratamento do nosso filho. Conseguimos juntar o dinheiro necessário. Conseguimos, em quatro dias, mobilizar toda a gente, para atingir este objetivo”, reforçou.

Portugal

Município de Vila Viçosa entrega Medalha de Ouro ao CEMGFA

Publicado há

no dia

por:

CEMGFA Almirante Antonio Silva Ribeiro

Na próxima segunda-feira (dia 06/02/2023), o Chefe do Estado-Maior-General das Forças Armadas, Almirante António Silva Ribeiro, será condecorado com a Medalha de Ouro do Município de Vila Viçosa pela “sua ligação afetiva a Vila viçosa” e pelo apoio técnico disponibilizado no processo de candidatura de Vila Viçosa a Património Mundial.

A Medalha de Ouro do Município de Vila Viçosa destina-se a distinguir pessoas que tenham notabilizado por feitos excecionais e altamente relevantes, em qualquer domínio da atividade humana, pelo seu valor extraordinário e exemplo ou pela realização de benefícios de excecional relevância para o Município.

A condecoração, atribuída pelo Município de Vila Viçosa, será imposta pelo Senhor Presidente da Câmara, Inácio José Ludovico Esperança, numa Cerimónia Solene que decorrerá no Salão Nobre dos Paços do Concelho, pelas 18h00, seguida de um Concerto de Homenagem ao Chefe do Estado-Maior-General das Forças Armadas, na Igreja de São Bartolomeu, pelas 21h30.

Continuar a ler

Portugal

Jovem desaparecida há meses encontrada em Évora. Conheça os contornos da história

Publicado há

no dia

por:

abuso 3

Luana Pereira desapareceu no dia 30 de maio, enquanto se dirigia para a escola onde foi vista pela última vez. Até ser encontrada pela Polícia Judiciária esta terça-feira.

De acordo com a Policia Judiciária, a jovem, residente em Leiria, que completou 17 anos durante o período em que esteve desaparecida, estava numa casa em Évora, onde não saiu e passou a maior parte do tempo num quarto sem luz natural.

A jovem vivia com um homem de 48 anos e sua mãe. Este homem, um empregado fabril, conheceu Luana quando ela tinha 14 anos , através dos jogos online, e ambos evoluíram para uma “relação amorosa” até que surgiu a oportunidade de ele ir buscá-la a Leiria. De acordo com uma fonte a menor tinha uma “dependência muito intensa de jogos online”.

Acredita-se que esta dependência tenha motivado o jovem a mudar-se para a casa do homem, que é separado e é socialmente integrado. A mãe do suspeito também vivia na casa, mas as autoridades acreditam que a idosa não tinha noção do que se estava a passar.

A Polícia Judiciária acredita que a “recorrente dependência de jogos online, imaturidade e personalidade frágil” levou a jovem a fugir de casa para ir com o homem para Évora.

A verdadeira motivação da jovem ainda não está clara, já que a Polícia Judiciária entende que Luana não foi levada contra a sua vontade. “Não temos nenhum elemento que indique que ela ficou presa em casa”, disse o diretor da Polícia Judiciária do Centro, Jorge Leitão, em conferência de imprensa.

A menor foi então desenvolvida à sua família. O homem, entretanto detido, será apresentado às autoridades para a aplicação das medidas de coação.

Continuar a ler

Portugal

Quase 10 mil crimes por abandono e maus-tratos de animais em 5 anos

Publicado há

no dia

por:

cao

As polícias PSP e GNR detiveram 17 pessoas por maus-tratos ou abandono de animais de companhia nos últimos 5 anos, e registraram 9.732 crimes por esses motivos no período.

A PSP registrou 4.402 crimes, sendo 1.615 por abandono e 2.278 por maus-tratos. A GNR registrou 5.330 crimes, sendo 3.385 por maus-tratos e 1.945 por abandono. As denúncias de maus-tratos e abandono são recebidas através de linhas de defesa animal das polícias, que têm tido uma tendência crescente de denúncias.

Os crimes são comunicados ao Ministério Público, e os infratores são identificados. Os cães são os animais com maior incidência de maus-tratos e abandono.

Continuar a ler

Portugal

Suspeito de agredir militar da GNR em Tomar tem antecedentes criminais

Publicado há

no dia

por:

policia judiciaria

Um homem de 41 anos foi detido após agredir um militar da GNR em Tomar. O suspeito tem antecedentes criminais por crimes violentos e aguarda interrogatório judicial para aplicação de medidas de coação.

A vítima foi atingida com um objeto corto-contundente na zona do rosto e pescoço, ficando com lesões graves. O suspeito também agrediu outro militar da GNR.

O autor das agressões apresentou-se posteriormente na PJ de Aveiro.

Continuar a ler

ÚLTIMAS 48 HORAS